1

Yowakutemo Katemasu

yowakutemo

Yowakutemo Katemasu (弱くても勝てます) foi lançado em abril de 2014 pela NTV. É baseado na novel de Takahashi Hidemine, que leva o mesmo nome. O dorama segue a média convencional de 11 episódios de quase uma hora cada, mas que parecem durar uma eternidade. Continuar lendo

Anúncios
4

First Class

tumblr_n5oaukLeOe1qc9j6yo1_500

First Class (ファースト・クラス) pode gerar um certo receio para quem não gosta de moda e acha que o dorama gira em torno apenas desse assunto. Engano seu, amigo! Claro que o universo fashion faz parte da história e tem grande peso na maioria dos episódios. Afinal, o ambiente principal das personagens é a redação da revista que leva o mesmo nome da novelita. Contudo, os roteiristas tiveram a esperteza de inserir outros temas que se encaixaram perfeitamente ao plot, como: inveja entre mulheres, bulimia, briga por poder a todo custo, ascensão profissional, editorial de revista, mulher no topo de uma empresa, a sombra do pai famoso na vida do filho e preconceito. Yoshinari Chinami é a protagonista, que é interpretada pela rainha Sawajiri Erika. Inicialmente, trabalha em uma grande loja de produtos da indústria têxtil e nutre um desejo imenso de ser designer de moda. Lá, era uma vendedora que atraia a clientela pela sua simpatia acompanhada de um belo sorriso no rosto. Continuar lendo

13

Tatta Hitotsu no Koi

bb4db6d0001defdd64bd064eb7883286c97cddaa

“Tatta Hitotsu no Koi” (たったひとつの恋 / Apenas um amor) foi lançado no final de 2006, pela NTV. O elenco é daqueles que enchem os olhos, principalmente pela Ayase Haruka, que é uma atriz promissora. E, lógico, pelas fãs de Johnny’s e KAT-TUN. Porém, existe o porém, hahaha. Deixo bem claro que essa análise será um tanto malvada. Afinal, esse dorama merece o esculacho. Continuar lendo

14

Freeter, Ie wo Kau

tumblr_lsbhufX6gu1qzgtn4o1_1280

“Freeter, Ie wo Kau” (フリーター、家を買う) foi exibido pela Fuji TV no final de 2010. Conta com 10 episódios que amarram os avanços e decaídas do protagonista, que é o centro de basicamente todos os conflitos, com exceção de um ou outro. É baseado na novel de Arikawa Hiro, que pode ser adquirido no YesAsia por US$10,50 (não tenho, mas pretendo comprá-la em breve). Como foi um dos primeiros doramas que assisti totalmente em inglês, já aviso que não tenho as legendas em português para compartilhar. Já pensei em traduzi-lo, mas ando sem tempo para me dedicar a isso. É um projeto que posso começar se houver gente interessada. Também possui um dorama SP (tanpatsu) que foi exibido no final do ano seguinte, 2011, com o mesmo elenco principal e dando continuidade aos acontecimentos do último episódio do renzoku. Continuar lendo

29

Mother

tumblr_m7whp2zM7r1rzkbhxo1_1280

“Mother” (マザー) foi transmitido pela NTV em 2010 e conta com 11 episódios nível HARD de emoção. A narrativa gira em torno de Suzuhara Nao (Matsuyuki Yasuko), uma pesquisadora universitária que dedica sua vida ao estudo das aves migratórias. Pesquisa vai pesquisa vem, o laboratório da trintona acaba sendo fechado e ela é obrigada a substituir uma professora primária que está ausente por motivos de saúde. A questão é: Nao é extremamente introvertida e não sabe lidar muito bem com crianças. Na verdade, as relações dela costumam ser bem secas e distantes, inclusive com os membros da própria família. No entanto, uma de suas alunas, Michiki Reina (Ashida Mana), acaba chamando atenção por seu comportamento atípico e um tanto adulto para seus sete anos de idade. Os encontros e desencontros entre elas aumentam e, a partir deles, Nao começa a suspeitar que a garota sofre violência doméstica e maus-tratos. Quando a encontra abandonada em um saco plástico no meio de uma noite fria, decide que será uma mãe de verdade para ela e a sequestra. Continuar lendo